Ascom ALURB

Prefeitura busca conhecimento para melhorar a arborização em Maceió

Uma comitiva da Autarquia Municipal de Desenvolvimento Sustentável e Limpeza Urbana (ALURB) de Maceió está em Recife para conhecer projetos e práticas de arborização que podem ser aplicados na capital alagoana. A equipe, composta pela diretora e coordenador de Arborização e Áreas Verdes, Karine Gabriela e Rosivan Mendes, e a coordenadora do Observatório de Políticas para a Igualdade Racial, Arízia Barros, está em Recife para coletar informações sobre o cultivo e manejo do Baobá, uma árvore nativa da África e simbólica na luta negra no Brasil.

Parque dos Baobás

A equipe planeja criar um Parque dos Baobás em Maceió, um espaço afro-cultural para convivência social. O modelo seria semelhante ao parque existente em Recife, visando a ressignificação do espaço urbano e o fortalecimento da produção de memória, histórias e resistência negra.

Visitas e Reuniões

A comitiva participou de reuniões na Secretaria Municipal do Meio Ambiente de Recife com o secretário Oscar Barreto e com o chefe da Divisão de Arborização, José Edison Lima. Eles também planejaram uma visita ao Jardim dos Baobás, onde poderão ver árvores adultas da espécie e buscar inspiração para futuros projetos em Maceió.

Melhorias em Maceió

Em Maceió, a ALURB já realizou o plantio de duas mudas de Baobá no Parque da Mulher e transplantou um Baobá que havia sido plantado em uma área inadequada. A cidade também conta com exemplares da espécie em locais como a Praça do Skate, a Praça da Faculdade e o Corredor Vera Arruda.

About Marcelo Barros, com informações da Prefeitura de Maceió

Jornalista (MTB 38082/RJ). Graduado em Sistemas de Informação pela Estácio de Sá (2009). Pós-graduado em Assessoria de Comunicação (UNIALPHAVILLE), MBA em Jornalismo Digital (UNIALPHAVILLE), Administração de Banco de Dados (UNESA), pós-graduado em Gestão da Tecnologia da Informação e Comunicação (UCAM) e MBA em Gestão de Projetos e Processos (UCAM). Atualmente é o vice-presidente do Instituto de Defesa Cibernética (www.idciber.org), editor-chefe do Defesa em Foco (www.defesaemfoco.com.br), revista eletrônica especializado em Defesa e Segurança, co-fundador do portal DCiber.org (www.dciber.org), especializado em Defesa Cibernética. Participo também como pesquisador voluntário no Laboratório de Simulações e Cenários (LSC) da Escola de Guerra Naval (EGN) nos subgrupos de Cibersegurança, Internet das Coisas e Inteligência Artificial. Especializações em Inteligência e Contrainteligência na ABEIC, Ciclo de Estudos Estratégicos de Defesa na ESG, Curso Avançado em Jogos de Guerra, Curso de Extensão em Defesa Nacional na ESD, entre outros. Atuo também como responsável da parte da tecnologia da informação do Projeto Radar (www.projetoradar.com.br), do Grupo Economia do Mar (www.grupoeconomiadomar.com.br) e Observatório de Políticas do Mar (www.observatoriopoliticasmar.com.br) ; e sócio da Editora Alpheratz (www.alpheratz.com.br).

Check Also

blank

MONITORAMENTO REVELA BRANQUEAMENTO DE CORAIS NA COSTA DE ALAGOAS E ALERTA PARA IMPACTOS NO TURISMO

Na última segunda-feira, uma equipe do Instituto do Meio Ambiente de Alagoas (IMA), em conjunto …