Neste dia 2 de maio, a Universidade Estadual de Ciências da Saúde de Alagoas (Uncisal) comemora 55 anos de fundação. Quando surgiu, em 1968 com o curso de medicina, a Escola de Ciências Médicas de Alagoas (Ecmal) marcava um momento importante da história do ensino superior no estado. Anos depois, quando seria transformada em universidade, ganharia outros cursos e se firmava como referência no ensino, pesquisa, extensão e assistência com suas unidades hospitalares e de apoio.

Para celebrar a data tão significativa, a Uncisal lança o selo comemorativo do aniversário e a campanha “Uncisal – Uma nova realidade com a maior transformação da sua história”, que no decorrer deste ano vai contar a história de pessoas que transformaram a Uncisal e que também tiveram suas realidades transformadas pela instituição.

blank

A marca comemorativa foi desenvolvida pela equipe de Comunicação da Uncisal para apresentar o novo momento da instituição, que recebeu a maior reforma da sua história no ano em que comemora os 55 anos de fundação. O histórico prédio, que recebeu a primeira turma de medicina e que este ano comemora 50 anos de formatura, passou por mudanças significativas em ambientes essenciais da instituição.

“A reforma da Uncisal foi o melhor presente que poderíamos receber nos 55 anos da instituição”, exaltou o reitor da Uncisal, Henrique Costa. “Tínhamos um prédio antigo que precisava de muitas melhorias. Com essa reforma, conseguimos oferecer mais conforto aos nossos estudantes, professores e servidores, além de melhorar ainda mais a qualificação de nossos acadêmicos”, destacou o reitor.

Formado em medicina pela então Escola de Ciências Médicas (Ecmal), o reitor espera que a universidade abra cada vez mais portas para a transformação social e dê oportunidade de formação a pessoas que, como ele, não teriam condições de cursar uma faculdade particular.

blank

Para ele, estar à frente da instituição é a oportunidade de retribuir tudo o que recebeu na sua formação como médico ao lado de mais quatro irmãos, todos formados em medicina na Ecmal. “Sempre tive esta consciência que precisava trabalhar pela Uncisal para devolver tudo o que ela me proporcionou”, completou o reitor, reeleito para o segundo mandato.

Mudanças

Mas não foi apenas o prédio-sede da Uncisal que ganhou mudanças na sua parte estrutural. A Reitoria da Uncisal também contemplou as unidades assistenciais da instituição com projetos de reforma e construção. “A Uncisal é responsável por aproximadamente 70% dos serviços de saúde ofertados em Alagoas. Conta com três hospitais-escolas, ambulatório de especialidade, o maior laboratório do estado, Serviço de Verificação de Óbitos, uma escola técnica de saúde, centro de diagnóstico e imagem, Centro Especializado em Reabilitação e dois CAPS. São serviços ofertados pelo Sistema Único de Saúde [SUS] através da Uncisal”, pontuou a vice-reitora da Uncisal, Ilka Soares.

blank

Com exceção dos Centros de Apoio Psicossocial (Caps) e do Centro Especializado em Reabilitação (CER III), as unidades da Uncisal oferecem serviços especializados de forma exclusiva, que são considerados referência em suas respectivas áreas: gestações de alto risco, doenças infectocontagiosas, psiquiatria, investigação de morte clínica, exames laboratoriais e exames por meio de imagens.

Programação

As comemorações pelos 55 anos de fundação da Uncisal acontecerão durante todo o ano. A programação teve início dia 27 de fevereiro, com a inauguração da reforma no prédio-sede da universidade, um momento histórico para estudantes, professores e servidores da instituição. No dia 31 de março o médico Ernani Sampaio, formado pela Escola de Ciências Médicas na turma de 1974, promoveu um encontro com ex-alunos na sede da universidade para fazer a doação do maior acervo particular da instituição.

Foram oficialmente entregues à Uncisal itens como fotografias, recortes de jornais, documentos, uniformes esportivos e medalhas que ajudam a contar a trajetória da universidade. O material foi cuidadosamente selecionado pelo médico, uma das referências na área da oncologia no país.

blank

Durante o mês de maio a programação terá início neste dia 2, dia de fundação da Uncisal, com a apresentação da marca comemorativa dos 55 anos. Ainda estão previstos a inauguração da sala de aula localizada no laboratório de anatomia em homenagem a um ex-professor e campanha nas redes sociais com egressos da instituição.

A programação contará, ainda, com as comemorações em outubro pelos 50 anos de formatura da primeira turma de medicina da Uncisal, uma solenidade que contará com aposição de nova placa da turma e cerimônia de renovação da colação de grau.

Em dezembro as comemorações serão encerradas com a Noite de Homenagens especial 55 anos.

Minha história com a Uncisal

“Sou apaixonado pela Ecmal! Fui presidente do Diretório Acadêmico 2 de Maio e tive a honra de participar da efetivação da instituição desde o seu início, inclusive no processo de seu reconhecimento pelo Ministério da Educação, em 1973. A minha relação com a Ecmal sempre foi muito ajustada pelos laços funcionais e afetivos. Nos últimos 49 anos, fizemos reuniões comemorativas periódicas, reunindo professores e ex-alunos. Nesse período, tenho guardado itens que marcaram a minha ligação com a instituição desde a sua fundação. Neste ano em que comemoramos os 50 anos da primeira turma de medicina da Ecmal, meu acervo de fotografias, recortes de jornais, documentos, uniformes esportivos e medalhas que ajudam a contar a trajetória da universidade foram oficialmente entregues à universidade.”

 Ernani Sampaio, médico egresso da Ecmal Turma 1968

“Trabalho na Biblioteca da Uncisal há 44 anos. No início da universidade, quando apenas existia o Curso de Medicina, o acervo era antigo e insuficiente. Daí, surgiu a ideia de pedir ajuda às editoras locais e nacionais e fomos agraciados com a doação de uma grande quantidade de livros e periódicos atualizados. O apoio da Diretório Acadêmico 2 de Maio, que atuou pela melhoria do acervo e do espaço físico da Biblioteca, é uma boa lembrança dessa época. A Uncisal é minha identidade, meu caso de amor! Durante esse tempo sempre sou homenageada nas formaturas e tenho a maior gratidão aos alunos pelas homenagens. O respeito e a valorização do meu trabalho representam a grande contribuição da Uncisal na minha vida profissional e também na vida pessoal, quando, ainda na época da Ecmal, tive meus dois filhos na maternidade do Hospital Dr. José Carneiro [atual Hospital Geral do Estado -HGE], onde fui acolhida  com muito amor pelos residentes de medicina da Ecmal, com a assistência médica da Dra. Sueli Borges. Os meus filhos tiveram toda assistência e cuidados dos pediatras. Por tudo isso, a minha eterna gratidão.”

 Tânia Veras, gestora pública que trabalha há 44 anos na Biblioteca da Uncisal

blank

“Formei-me na Escola de Ciências Médicas de Alagoas em 1981. Ingressei no Hospital Escola Portugal Ramalho em 1977 como acadêmica plantonista e vi muitas coisas no caminho da transformação deste Hospital. Vi a derrubada das grades de ferro , implantação dos ambulatórios de egressos, implantação da Medicina do Trabalho, na gestão de Dra. Lúcia Santa Ritta. Éramos procurados por várias pessoas de diferentes partes do Brasil e também no exterior, éramos referência e ainda somos. A Uncisal está de parabéns pelo importante papel na nossa caminhada. E creiam, ainda sou médica atuante desta psiquiatria tão amada”

Jussara de Almeida  – Médica psiquiatra do Hospital Escola Portugal Ramalho

“Eu sou de Água Branca, um pequeno município alagoano que fica a cerca de 5 horas de Maceió. Eu vim em busca de um sonho, o de cursar Fisioterapia, e a Uncisal faz parte desse sonho. Sou o primeiro da família a entrar no curso superior e sou muito grato pelo apoio da bolsa do Programa de Permanência Universitária, que faz com que eu possa dar continuidade aos estudos numa universidade pública, que oferta o curso de Fisioterapia  com exclusividade no estado. A Uncisal transformou minha vida porque me deu a oportunidade de entrar na universidade pública, vislumbrar uma profissão e me tornar um profissional que consiga mudar a vida das pessoas. Nas aulas práticas e nas atividades dos projetos de extensão, percebi que ter o contato com as pessoas e levar a informação que vai ajudar na vida delas são atitudes que estão na essência de um bom profissional de saúde, com empatia e olhar humanizado. Estar na Uncisal é ter a visão de um futuro melhor para mim e para todos que eu possa de alguma forma transformar suas vidas.”

José Vinícius Lopes dos Santos, estudante de Fisioterapia

blank

“A minha história na Uncisal começou muito antes de passar no vestibular. A verdade é que eu sempre quis ser cientista. Eu iniciei o curso de Fisioterapia em 2020, cheia de expectativas, curiosidades e desafios. O início da graduação foi marcado com idas e vindas de Campo Alegre até Maceió, fazendo da Uncisal não mais a minha segunda casa, mas a minha primeira casa, que me acolheu com o que há de mais precioso, os amigos maravilhosos que tornam todo o processo muito mais leve e divertido. Sou encantada pelos professores que tanto expressam seu amor e dedicação pela ciência e que me incentivam às novas perspectivas e críticas. Também me agarrei a muitas oportunidades: fui monitora da disciplina, participei de grupos de pesquisa, ligas acadêmicas, projetos de extensão e movimento estudantil. Continuo com muita disposição e empenho para participar de tudo que Uncisal tiver para me oferecer e para contribuir no desenvolvimento desta universidade tão acolhedora.

Cleiny dos Santos Temóteo, estudante de Fisioterapia*

blank

“Entrei na Fundação com 23 anos, em 1981. Na época, comecei no hospital Armando Lages (antigo Pronto Socorro). Lá eu ocupei vário cargos de confiança, inclusive de secretária dos diretores dr. Joseane Granja e dr. Dilson Simões. Lá também fui secretária da Divisão de Saúde, chefia de almoxarifado e farmácia. Em 1985 fui para a Maternidade Escola Santa Mônica, onde dei meu máximo. Ocupei três vezes a função de diretora administrativa  e até hoje continuo no Núcleo Administrativo, sempre com carinho e tendo portas abertas em toda Uncisal, que é minha segunda família.”

Maria Cristina de Lima Cavalcante Soares – servidora da Uncisal desde 1981

Cronologia

Criada em 1968 como Escola de Ciências Médicas de Alagoas (Ecmal), a então Universidade Estadual de Ciências da Saúde de Alagoas (Uncisal) surgiu a partir de uma turma de excedentes da Universidade Federal de Alagoas (Ufal), com a criação do curso de Medicina. Em 2023, a primeira turma de Medicina da Ecmal comemora 50 anos de formatura e a Universidade celebra os 55 anos de fundação.

Em 1975 surgiu a Fundação de Saúde de Alagoas Governador Lamenha Filho (Funglaf) como mantenedora da Ecmal, agregando à estrutura da Fundação, a Unidade de Emergência Dr. Armando Lages (atual ???) e Hospital Dr. José Carneiro (atual Hospital Geral do Estado – HGE).

Com a extinção da Funglaf, em 2000, surgiu a Fundação Universitária de Ciências da Saúde de Alagoas – Uncisal, tendo como órgãos de apoio os Hospitais Escola Dr. José Carneiro (atual HGE), Portugal Ramalho (HEPR), Dr. Hélvio Auto (HEHA), Maternidade Escola Santa Mônica (MESM) e o Centro de Desenvolvimento de Recursos Humanos em Saúde de Alagoas, hoje Escola Técnica de Saúde Professora Valéria Hora (Etsal).

blank
Governador Paulo Dantas inaugura a reforma da Uncisal em Maceio.
Foto: Pei Fon/Agencia Alagoas

Em 2003, a Uncisal é reestruturada e passa a ser composta por Faculdades, Hospitais e a Etsal. Em dezembro de 2005, após visita de avaliadores externos e homologação de parecer pelo Conselho Estadual de Educação de Alagoas, a Uncisal passa à condição de Universidade.

A Uncisal é uma das duas universidades públicas estaduais de Alagoas, ao lado da Universidade Estadual de Alagoas (Uneal), e atua especificamente na área de saúde. São oferecidos pela universidade, atualmente, os cursos de Enfermagem, Fisioterapia, Fonoaudiologia, Medicina e Terapia Ocupacional (na modalidade bacharelado); Alimentos, Gestão Hospitalar, Radiologia, Segurança no Trabalho e Sistemas para Internet (na modalidade superior em tecnologia); e Educação Física e Matemática (na modalidade licenciatura – ofertados por meio do convênio com a Universidade Aberta do Brasil – UAB). Além disso, três cursos foram desativados: Análise e Desenvolvimento de Sistemas, Processos Gerenciais e Sistemas Biomédicos (tecnologia).

A universidade também é referência no ensino técnico. A instituição conta com a Escola Técnica de Saúde Professora Valéria Hora (Etsal), única instituição pública de ensino técnico em Alagoas, que se faz presente nos 102 municípios do estado e oferece qualificação para os trabalhadores que atuam no Sistema Único de Saúde (SUS), por meio de convênios firmados com instituições públicas, como prefeituras ou até mesmo outros órgãos estaduais, que financiam capacitações para seus servidores.

A universidade dispõe de três unidades assistenciais: Maternidade Escola Santa Mônica (MESM), Hospital Escola Dr. Helvio Auto (HEHA) e Hospital Escola Portugal Ramalho (HEPR); e sete unidades de apoio assistencial: Serviço de Verificação de Óbitos (SVO), Centro de Patologia e Medicina Laboratorial (CPML), Centro Especializado de Reabilitação (CER III), Ambulatório de Especialidades (AMBESP), Centro de Diagnóstico e Imagem (CEDIM) e dois Centros de Atenção Psicossocial (CAPS).

É nesse cenário que a instituição estadual de educação superior, com ênfase no campo das Ciências da Saúde, pluridisciplinar, de caráter público e gratuito, mantida pelo poder público estadual, ocupa um espaço relevante no âmbito da Educação e da Saúde do Estado de Alagoas.