Em antecipação às festas juninas, a Secretaria da Segurança Pública de Alagoas, através da Chefia de Articulação e Prevenção, o Comando de Policiamento da Capital e o Corpo de Bombeiros, realizou uma reunião com representantes de bares, restaurantes e postos de combustíveis. O objetivo do encontro era orientar sobre a perturbação do sossego e a importância de manter os alvarás em dia. O encontro aconteceu na manhã desta terça-feira (30) na Academia da Polícia Militar Senador Arnon de Melo, no bairro do Trapiche.

Busca por Respeito aos Limites Sonoros

A Chefia de Prevenção e Articulação Política da SSP promoveu o encontro com o objetivo de esclarecer dúvidas dos comerciantes, empresários e representantes dos setores sobre a importância de respeitar os limites sonoros em seus estabelecimentos, evitando assim a apreensão do equipamento sonoro.

Reforço sobre a Importância de Alvarás e Projetos de Segurança

O Corpo de Bombeiros, através da Diretoria de Atividade Técnica, participou da reunião e explicou sobre os documentos e alvarás obrigatórios que cada tipo de estabelecimento precisa ter e estar regularizado para evitar a interdição do local. Segundo o tenente-coronel Verçosa, muitos locais que promovem shows negligenciam a regularização da documentação e do projeto de segurança contra incêndio e pânico, o que pode resultar em interdição caso o local seja vistoriado pelo Corpo de Bombeiros.

Projeto “Na Base do Sossego” e a Prevenção de Perturbação do Sossego

O tenente Alex Acioli, da Chefia de Prevenção da SSP, apresentou o projeto “Na Base do Sossego”, que promove ações preventivas, orientativas e de repressão à poluição sonora e perturbação do sossego. Ele explicou como funcionam as etapas de uma ocorrência de perturbação do sossego e esclareceu dúvidas sobre as visitas e orientações promovidas pelas equipes policiais.

Futuras Ações e Parcerias

Acioli mencionou que outros encontros podem ocorrer para alinhar ações e parcerias com os setores de bares e restaurantes, especialmente devido ao aumento de celebrações no mês de junho. Ele reiterou que a perturbação do sossego é a principal causa de ligações para o 190 e provavelmente aumentará durante as festas juninas.