Na segunda-feira (29), a Secretaria de Estado do Turismo de Alagoas (Setur) organizou uma visita técnica em Porto de Pedras, envolvendo a equipe da cidade Olho d’Água do Casado. O objetivo da iniciativa foi apresentar boas práticas e políticas públicas de gestão municipal voltadas ao turismo. As cidades foram selecionadas devido à sua semelhança em termos de tamanho da população e de infraestrutura. Esse intercâmbio de experiências faz parte de uma série de ações da Setur para consolidar e estruturar todas as regiões turísticas de Alagoas.

Observação de Ações Bem-sucedidas e Equipamentos Turísticos

Durante a visita, a comitiva do município ribeirinho do Rio São Francisco teve a oportunidade de conhecer diversas ações bem-sucedidas em Porto de Pedras. Além disso, a equipe visitou pousadas locais, a Associação do Peixe-Boi e outros equipamentos turísticos relevantes da região. Segundo a Superintendente de Infraestrutura e Logística para o Turismo, Sandra Villanova, essa troca de experiências entre os municípios é essencial para fortalecer o turismo em todo o estado.

A importância da troca de experiências e do “benchmarking”

Villanova afirmou que a visita permitiu um ganho de conhecimento valioso sobre as boas práticas implementadas em Porto de Pedras, que podem ser adaptadas e aplicadas em Olho d’Água do Casado. “Falamos não só sobre as práticas exitosas, mas também avaliamos as iniciativas que não deram o resultado esperado para que estratégias mais assertivas sejam realizadas”, disse a superintendente.

Benchmarking para o Futuro do Turismo em Alagoas

A estratégia adotada pela Setur, conhecida como “benchmarking”, analisa as melhores práticas usadas por empresas de um mesmo setor para replicá-las. Esta foi a primeira vez que essa metodologia foi aplicada para compartilhar conhecimentos entre os próprios municípios alagoanos. A expectativa é que novas buscas de referências sejam realizadas entre outras cidades semelhantes, com o objetivo de impulsionar os setores turísticos locais.