A Secretaria de Estado da Agricultura e Pecuária (Seagri) terá uma programação especial durante a 73ª Expoagro Alagoas, que começa neste sábado (21) e segue até o dia 29 de outubro, no Parque da Pecuária, em Maceió. A exposição agropecuária conta com apoio do Governo de Alagoas e é realizada pela Associação dos Criadores de Alagoas (ACA) e pela Federação da Agricultura e Pecuária de Alagoas (Faeal).

A programação da Seagri ficará concentrada no estande oficial do Governo de Alagoas no parque de exposições José da Silva Nogueira. No local, será realizada a exposição de sementes crioulas do programa Planta Alagoas, além de atividades das Câmaras Setoriais da Apicultura e Meliponicultura (criação de abelhas sem ferrão), do Leite e Derivados e da Mandioca e Derivados.

O estande da Seagri ficará aberto das 16h às 22h, e vai contar com exposição de itens como caixas de abelhas com e sem ferrão, fumigadores, favo de mel, coletores, manequim com Equipamento de Proteção Individual (EPI), venda de produtos apícolas, exposição da agricultura familiar e degustação de produtos lácteos.

No sábado (21) e domingo (22), haverá, ainda, uma exposição e doação de plantas medicinais, condimentares e aromáticas. No estande, também irá acontecer degustação de Plantas Alimentícias Não Convencionais (PANCs) no domingo (22) e na sexta-feira (27).

Palestras

O Instituto de Inovação para o Desenvolvimento Rural Sustentável de Alagoas (Emater) irá realizar duas palestras durante a exposição agropecuária. Na terça-feira (24), a extensionista Daniele Costa de Oliveira vai apresentar uma palestra com o tema “Redução das emissões de gases do efeito estufa na pecuária”.

Na sexta-feira (27), a extensionista Maria da Guia Fonseca vai palestrar sobre “Produção Orgânica e Segurança Alimentar”. As palestras terão início sempre às 16h30, sendo realizadas no estande oficial da Seagri.

A Expoagro Alagoas é uma oportunidade das famílias da cidade conhecerem mais sobre a produção agropecuária do estado, com exposição de animais, produtos e serviços agro. Na parte técnica, produtores rurais, estudantes e profissionais da área também participam de troca de tecnologias sobre a agricultura e pecuária alagoana.