Edvan Ferreira/Agência Alagoas

Inauguração Inédita da Academia de Bombeiro Militar Reinventa Formação no Estado de Alagoas

A tão esperada inauguração da Academia de Bombeiro Militar (ABM) em Alagoas chegou, marcando um momento histórico na evolução dos serviços públicos do estado. Este é o primeiro passo para uma nova era na formação militar, trazendo para o estado a capacitação de seus próprios oficiais. Anteriormente, essa formação era realizada em academias fora do estado, uma situação que mudou nesta sexta-feira (26), em Arapiraca, com a inauguração da ABM.

Investimentos e Impacto no Desempenho da Segurança Pública

A inauguração da academia foi possível graças a um investimento de aproximadamente R$ 300 mil, que proporcionou um edifício dotado de todas as facilidades necessárias para formar, habilitar e especializar os militares recém-aprovados no concurso. O governador Paulo Dantas vê a inauguração da ABM como um marco para os 30 anos de emancipação administrativa do Corpo de Bombeiros Militar. Ele destaca que essa inauguração e outros investimentos no estado têm contribuído para a queda dos índices negativos da segurança pública.

Parceria Estratégica entre CBMAL e UNEAL

A cerimônia também foi marcada pela celebração de uma parceria entre o CBMAL e a Universidade Estadual de Alagoas (UNEAL). Este acordo permitirá a criação do primeiro Curso de Formação de Oficiais Bombeiros Militar realizado no Estado de Alagoas. Este curso de graduação em Gestão de Riscos e Desastres, destinado a desenvolver competências relacionadas ao tema nos cadetes da corporação, já iniciou suas atividades em Arapiraca no dia 21 de março de 2023.

Fortalecimento da Polícia Penal do Estado de Alagoas

Além da inauguração da academia, também foi realizado um significativo fortalecimento das forças de segurança do estado, com a entrega de 420 armas de fogo para a Polícia Penal do Estado de Alagoas. As novas Pistolas Glock G19 9mm 5ª Geração, que possuem 4 carregadores cada, representam a vontade da SERIS em modernizar as forças de segurança pública do estado, colocando-se na vanguarda quando se trata do sistema prisional brasileiro.

Esta inauguração representa mais do que um marco para a história do Corpo de Bombeiros de Alagoas. É um sinal claro do compromisso do governo em investir na formação de seus oficiais e na segurança pública. Com essas novas iniciativas, Alagoas está dando um passo importante para se tornar um estado cada vez mais seguro e preparado para enfrentar os desafios futuros.

About Marcelo Barros, com informações do Governo do Estado de Alagoas

Jornalista (MTB 38082/RJ). Graduado em Sistemas de Informação pela Estácio de Sá (2009). Pós-graduado em Assessoria de Comunicação (UNIALPHAVILLE), MBA em Jornalismo Digital (UNIALPHAVILLE), Administração de Banco de Dados (UNESA), pós-graduado em Gestão da Tecnologia da Informação e Comunicação (UCAM) e MBA em Gestão de Projetos e Processos (UCAM). Atualmente é o vice-presidente do Instituto de Defesa Cibernética (www.idciber.org), editor-chefe do Defesa em Foco (www.defesaemfoco.com.br), revista eletrônica especializado em Defesa e Segurança, co-fundador do portal DCiber.org (www.dciber.org), especializado em Defesa Cibernética. Participo também como pesquisador voluntário no Laboratório de Simulações e Cenários (LSC) da Escola de Guerra Naval (EGN) nos subgrupos de Cibersegurança, Internet das Coisas e Inteligência Artificial. Especializações em Inteligência e Contrainteligência na ABEIC, Ciclo de Estudos Estratégicos de Defesa na ESG, Curso Avançado em Jogos de Guerra, Curso de Extensão em Defesa Nacional na ESD, entre outros. Atuo também como responsável da parte da tecnologia da informação do Projeto Radar (www.projetoradar.com.br), do Grupo Economia do Mar (www.grupoeconomiadomar.com.br) e Observatório de Políticas do Mar (www.observatoriopoliticasmar.com.br) ; e sócio da Editora Alpheratz (www.alpheratz.com.br).

Check Also

blank

PM-AL FORMA NOVOS NEGOCIADORES DE CRISES EM CURSO REALIZADO EM SERGIPE

A Polícia Militar de Alagoas (PM-AL) agora conta com dois novos negociadores de crise. O …