Se você pensa que precisa de horas na academia para fazer uma diferença significativa na sua saúde, pense novamente. De acordo com um estudo publicado no boletim científico Circulation da Associação Americana de Cardiologia, uma caminhada enérgica de 20 minutos por dia é suficiente para melhorar a saúde e reduzir os riscos cardiovasculares.

Grupos de Risco e o Desafio da Inatividade Física

A pesquisa traz um alerta: a população que pratica menos exercícios físicos, como adultos mais velhos, mulheres, negros, pessoas com depressão, com menor capacidade socioeconômica e aqueles que vivem em zonas rurais, correm maior risco de sofrer de doenças cardiovasculares. Portanto, é essencial desenvolver iniciativas que incentivem a atividade física de forma consistente, principalmente nos grupos de menor renda.

A Potência da Caminhada Diária

Os pesquisadores ressaltam que a atividade física regular fortalece o coração. Uma caminhada diária de 20 minutos é suficiente para promover essa melhora. Esta conclusão foi alcançada após a análise dos níveis de atividade física de diferentes grupos de adultos e a revisão de estratégias para aumentar a atividade física em grupos de menor renda ou em risco de má saúde cardiovascular. “Ajudar a todos a melhorar a saúde cardíaca é crucial”, afirma Gerald J. Jerome, da Universidade de Towson (Maryland, EUA). “Os resultados nos dão a oportunidade de focar nossos esforços em programas de atividade física onde são mais necessários”.

Melhoria da Saúde através da Atividade Física e Engajamento Comunitário

Menos de 25% dos americanos praticam a atividade física moderada recomendada pela Associação Americana do Coração: pelo menos 150 minutos por semana. Os pesquisadores analisaram dados de programas de atividade física desenvolvidos para melhorar os níveis em populações específicas e descobriram que os menos ativos são justamente os grupos de maior risco.

Os autores aconselham que os programas de atividade física sejam desenvolvidos com a participação da comunidade, para atender às suas necessidades e estabelecer programas acessíveis e culturalmente apropriados. Para aumentar os níveis de atividade física e melhorar a equidade sanitária, é necessária uma “abordagem de equipe, com profissionais de saúde avaliando e promovendo regularmente a atividade de todos os pacientes”, concluem.

Agora você já sabe: 20 minutos de caminhada diária podem fazer toda a diferença na sua saúde cardiovascular. Então, que tal começar hoje?