O Estado de Alagoas recebeu o troféu pelo 1º lugar no 14º Prêmio Nacional de Boas Práticas de Gestão Previdenciária, da Associação Nacional de Entidades de Previdência dos Estados e Municípios (Aneprem), durante o 22° Congresso Nacional de Previdências, na segunda-feira (11), em Belo Horizonte/MG.

A relevância da conquista do prêmio na categoria Estados mostra que a Alagoas Previdência vem se destacando nacionalmente. A premiação é a mais antiga e importante do País para unidades gestoras de Regimes Próprios de Previdência Social (RPPS).

Um dos quesitos mais bem avaliados pela comissão julgadora, por exemplo, foi a nota A da autarquia no Índice de Situação Previdenciária (ISP) deste ano. Ao atingir esse nível, a pontuação da Alagoas Previdência sobressaiu e ficou acima de outros Estados.

O presidente da Alagoas Previdência, Roberto Moisés, e a diretora de Governança e Compliance, Isadora Teixeira, destacaram que a conquista do Estado de Alagoas demonstra que a equipe dos Regimes Próprios de Previdência alagoano tem empreendido esforços para melhorar cada vez mais o serviço prestado aos segurados.

blank

“A desenvoltura que a Alagoas Previdência tem desenvolvido nesses cinco anos mostra que o esforço da diretoria, conselheiros, servidores e o apoio do governador Paulo Dantas para implementar inovações na autarquia têm dado resultados”, ressalta Moisés.

“Muito feliz com a conquista para o meu Estado, e isso só mostra que estamos no caminho certo, quando desenvolvemos um modelo de gestão em governança eficiente com boas práticas”, completou Isadora.

O Prêmio Nacional de Boas Práticas de Gestão Previdenciária é considerado o “Oscar da Previdência” no país. A Aneprem representa 2.100 unidades de RPPSs, espalhados pelo Brasil. A entidade não possui fins lucrativos e tem como objetivo ampliar e desenvolver a capacidade administrativa e técnica dos regimes próprios, que administram os fundos previdenciários dos servidores públicos municipais e estaduais.