Júlio Vasconcelos

Fórum Estadual das Microempresas e Empresas de Pequeno Porte se reúne para discutir pautas

A Secretaria de Estado do Desenvolvimento, Indústria, Comércio e Serviços (Sedics) sediou, nesta terça-feira (25), as atividades do Fórum Estadual das Microempresas e Empresas de Pequeno Porte (Fempe). Formado por instituições de apoio a microempresas e representantes do governo estadual, o fórum busca articular um espaço para discutir as demandas do setor alagoano. Durante o encontro foi discutida a inclusão de novos entidades e pautas temáticas ligadas à inovação, sustentabilidade, incremento de tecnologia, estímulo ao empreendedorismo feminino e ao empreendedorismo social.

Segundo a secretária Caroline Balbino, o fórum é de extrema importância para integrar a relação do setor privado e público, facilitando a criação de políticas públicas eficientes para o segmento, que representa 95% das empresas ativas a nível estadual. “O FEMPE passou alguns anos sem funcionamento, e agora já estamos na nossa segunda reunião. Essa é uma conquista muito grande para o setor e para Alagoas. O fórum vem para reunir diversas entidades e construir políticas públicas para as microempresas de Alagoas, cuidando dos aspectos não tributários relativos ao tratamento diferenciado e favorecido às microempresas e empresários alagoanos, e promovendo ações que estejam em consonância às problemáticas do setor”, reitera.


O FEMPE

Instituído pelo decreto nº 4.000/2008 o fórum é formado por instituições de apoio e representatividade das microempresas e empresas de pequeno porte, entre elas as instituições de ensino superior Cesmac, FAT, Unit, FAN/FGV, Estácio e Ufal; Rede Global do Empreendedorismo (RGE); Movimento Alagoas Competitiva (MAC); Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (Senac); Conselho de Jovens Empreendedores de Alagoas (CJE); Federação das Indústrias do Estado de Alagoas (FIEA); Federação do Comércio do Estado de Alagoas (Fecomércio); Junta Comercial de Alagoas (Juceal); Sebrae; BNDES; BNB; Caixa Econômica Federal (CEF); Secretaria da Fazenda do Estado de Alagoas (Sefaz); Secretaria de Estado da Ciência, da Tecnologia e da Inovação (Secti) e Secretaria de Estado da Educação (Seduc).

About Marcelo Barros, com informações do Governo do Estado de Alagoas

blank
Jornalista (MTB 38082/RJ). Graduado em Sistemas de Informação pela Estácio de Sá (2009). Pós-graduado em Assessoria de Comunicação (UNIALPHAVILLE), MBA em Jornalismo Digital (UNIALPHAVILLE), Administração de Banco de Dados (UNESA), pós-graduado em Gestão da Tecnologia da Informação e Comunicação (UCAM) e MBA em Gestão de Projetos e Processos (UCAM). Atualmente é o vice-presidente do Instituto de Defesa Cibernética (www.idciber.org), editor-chefe do Defesa em Foco (www.defesaemfoco.com.br), revista eletrônica especializado em Defesa e Segurança, co-fundador do portal DCiber.org (www.dciber.org), especializado em Defesa Cibernética. Participo também como pesquisador voluntário no Laboratório de Simulações e Cenários (LSC) da Escola de Guerra Naval (EGN) nos subgrupos de Cibersegurança, Internet das Coisas e Inteligência Artificial. Especializações em Inteligência e Contrainteligência na ABEIC, Ciclo de Estudos Estratégicos de Defesa na ESG, Curso Avançado em Jogos de Guerra, Curso de Extensão em Defesa Nacional na ESD, entre outros. Atuo também como responsável da parte da tecnologia da informação do Projeto Radar (www.projetoradar.com.br), do Grupo Economia do Mar (www.grupoeconomiadomar.com.br) e Observatório de Políticas do Mar (www.observatoriopoliticasmar.com.br) ; e sócio da Editora Alpheratz (www.alpheratz.com.br).

Check Also

Marcelo Barros

UNIÃO DE FORÇAS PARA AJUDAR VÍTIMAS DAS ENCHENTES NO RIO GRANDE DO SUL

Em uma demonstração de solidariedade e eficiência logística, a Embraer, em colaboração com a Força …